Buscar
 

Arquivo de Notícias

08/12/2017

Câmara publica edital para definir empresa que organizará concurso público

O Atos do Legislativo da  Câmara Municipal republicou o edital para definir a empresa organizadora do concurso público que vai oferecer 30 vagas para o quadro efetivo de pessoal do órgão. A abertura da licitação ocorrerá no dia 17 de janeiro, às 9h30m, na sala da Escola do Legislativo, no 1º andar do prédio do INSS, na Rua Marechal Deodoro, 722. Centro.
 
A intenção de ampliar o número de concursados foi manifestada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Mattos, desde o início da sua primeira gestão à frente da Casa, no biênio 2015/2016. Um dos intuitos é equilibrar o número de servidores de carreira em relação ao quadro de comissionados. Além disso, o corpo de Analistas em diversas áreas de conhecimento tornará ainda mais eficiente o trabalho dos vereadores nas comissões permanentes, na elaboração de projetos de lei, em plenário e mesmo na estrutura administrativa. Os demais cargos a serem preenchidos também foram estrategicamente criados para garantir maior eficiência às atividades desenvolvidas pela Câmara Municipal.
 
A licitação será na modalidade pregão presencial, do tipo menor preço, ampla concorrência e  em regime de empreitada por preço global. Isso significa que as empresas interessadas entregam um envelope fechado com sua proposta. Após essa etapa, o pregoeiro analisa as propostas e, a partir do menor valor ofertado, classifica para a próxima fase todas as propostas com um valor até 10% maior. Feito isso, é iniciado a etapa de lances verbais por parte dos representantes das empresas. A empresa que apresentar a proposta mais vantajosa é a vencedora.
 
A previsão é que o edital do concurso seja publicado 60 dias após a assinatura do contrato. Confira o edital
 
 
Retrospectiva
 
Inicialmente, o lançamento do edital do concurso estava previsto para o dia 11 de janeiro deste ano. O concurso seria organizado pela Fumarc, fundação ligada à PUC/Minas. No entanto, a Câmara Municipal seguiu a recomendação do Ministério Público (MP), por meio da promotoria de Direitos Humanos/Patrimônio Público, de que não lançasse o edital sem que o mesmo fosse remetido ao órgão.
 
Devido à recomendação da realização de concorrência pelo Ministério Público, a Câmara realizou o cancelamento do contrato com a Fumarc. Fez-se necessário, então, o lançamento de um novo edital para a definição da empresa responsável pela realização do concurso público da Câmara.
 
O edital prevê a abertura de 30 vagas, com salários que vão de R$1526,28 a R$4.725,08. As vagas são destinadas a assistentes técnicos,  jornalistas, assistentes legislativos, técnicos em informática e técnico em Segurança do Trabalho.
 
 
Confira as vagas criadas na Câmara
 

Cargos

Formação exigida

Vagas

Salários

Assistente Técnico Legislativo Administrador de Gestão em RH

Curso Superior em Administração, Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos ou Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública, reconhecidos pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado e registro profissional ativo no(s) órgão(s) competente(s).

1

R$ 4.725,08

Assistente Técnico Legislativo Analista na área de Ciências Sociais e Políticas

Curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

1

R$ 4.725,08

 Assistente Técnico Legislativo Analista na área de Educação e Cultura

Curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

1

R$ 4.725,08

Assistente Técnico Legislativo Analista na Área de Meio Ambiente

Curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.


R$ 4.725,08 

Assistente Técnico Legislativo Analista na Área de Política Urbana

Curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, reconhecida pelo MEC ou ´rgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

1

 R$ 4.725,08

Assistente Técnico Legislativo Analista na área de Saúde Pública

Curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

1

R$ 4.725,08

Assistente Técnico Legislativo Psicólogo

Curso de graduação de nível superior em Psicologia reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado, e registro profissional ativo no(s) órgão(s) competente(s).

1

R$ 4.725,08

Assistente Técnico Legislativo Redator/Revisor

Curso de graduação de nível superior em Letras reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

2

R$ 4.725,08

Assistente Legislativo Técnico em Informática

Curso Técnico em Técnico em Informática  equivalente ao ensino médio reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado.

3

R$2.362,53

Assistente Legislativo Técnico em Segurança do Trabalho

Curso Técnico em Segurança do Trabalho equivalente ao ensino médio reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma devidamente registrado, e registro ativo no Ministério do Trabalho e Emprego - MTE.

1

R$2.362,53

Jornalista

Curso de graduação de nível superior em Comunicação Social na área de Jornalismo reconhecido pelo MEC ou órgão estadual competente, com diploma registrado, e   registro profissional ativo no(s) órgão(s) competente(s).

4

R$ 3.543,80

Assistente Legislativo I

Ensino médio

13

R$ 1.526,58

Total

30



Informações 3313-4734 / 4941 – Assessoria de Imprensa
Para visualizar o conteúdo completo do edital, clique aqui: EDITAL 2018

Notícias

Visualizada pela 2758ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons